PRODAC Teste NH3 NH4 Amonia Doce e Marinho - 65 Testes

Avalie este produto

Disponivel: Consulte Aqui

R$75,68
Cartão sem juros
6x de
R$12,61
-------------- ou --------------
Depósito ou Boleto 10%
R$68,11

Resumo

Teste de Amônia de alta eficácia para aquários de água doce e salgada.

PRODAC Teste NH3 NH4 Amonia Doce e Marinho - 65 Testes

Dê um duplo clique na imagem acima para ver imagem completa

Diminuir o Zoom
Aumentar

Mais Visualizações

Detalhes

Extremamente perigosa ao aquário a amomia é uma substância altamente tóxica principalmente em aquários de água alcalina.

Essencial para os aquários novos e os já estabelecidos. Ocorrência da amônia no aquário Sobras de alimentos, produtos da excreção dos peixes, algas e peixes mortos são desdobrados em amônia por bactérias heterotróficas, num processo chamado amonificação.

Grande parte da amônia também se origina diretamente dos peixes, principalmente excretada pelas brânquias. Na seqüência deste processo a amônia, por ação de dois grupos de bactérias autotróficas nitrificantes, é oxidada primeiramente a nitrito e depois a nitrato.

Este último composto é finalmente consumido como nutriente pelas algas. Em ambientes marinhos intactos há um completo equilíbrio entre os organismos e os compostos gerados, fazendo com que este ciclo funcione perfeitamente. Sendo os aquários ambientes limitados, não se tem, de forma natural e espontânea, o equilíbrio desejado. É preciso interferir e é aí que entram o monitoramento das variáveis relacionadas à qualidade da água, como a amônia, a montagem do aquário com um adequado sistema de filtragem biológica e as rotinas de manutenção, como as sifonagens de fundo e trocas parciais de água. Influência da amônia sobre os peixes Níveis elevados de amônia provocam estresse nos peixes, com conseqüente diminuição da resistência imunológica, danos nas brânquias e destruição das nadadeiras.

Esta não deve apresentar pH superior ao da água que já está no aquário, para não potencializar a amônia tóxica, ao elevar o pH da mistura. Em seguida deve-se verificar o funcionamento do sistema de filtragem e diminuir a alimentação habitual por alguns dias. · Cuidar com a quantidade de alimento fornecido, evitando sobras; · Monitorar o funcionamento e fazer a manutenção do sistema de filtragem; · Realizar periodicamente sifonagens de fundo com trocas parciais de água.

Informações Adicionais

Especificações Modo de Usar:
1 - Encha a proveta com a água do aquário a ser analisada até a marca de 1 ml.
2 - Adicionar 4 gotas do reativo contido no frasco e agitar várias vezes invertendo a proveta, na presença de amoníaco a solução muda de cor. A reação produz após 10 a 13 minutos.
3 - Comparar a cor da solução com as cores da tabela apoiando a proveta ao lado da cor que mais se pareça e observando-a de cima.
4 - Na ausência do amoníaco, a solução de água doce fica transparente e a solução de água salgada torna-se branca=leite.

Atenção:
Se a quantidade de amoníaco superar a 1,00 mg/l aconselha-se a mudar em seguida um terço da água do aquário, se a quantidade se encontrar entre 0,1 a 0,5 mg/l será necessário reduzir com produtos específicos tipo NITRIDAC da PRODAC.

Limpar a proveta depois do uso, fechar bem os recipientes dos reativos e conserva-los em lugar fresco, seco e protegido da luz.

Origem: Itália
Dados Técnicos Contém 65 testes

Etiquetas de Produto

Use espaço para separar as tags. Use aspas simples (') para frases.